Da escuridão à descoberta: a arte da espeleologia
Da escuridão à descoberta: a arte da espeleologia

Juan uniu a espeleologia com a fotografia e se aventura há mais de 20 anos pelas mais diversas montanhas da Colômbia!

Mesmo sendo usada como abrigo por nossos ancestrais, o mundo das cavernas ainda é indecifrável. A escuridão repleta de riquezas e mistérios contribuiu para o surgimento da espeleologia, ciência que visa explorar esses territórios para obter informações importantes, como suas formas de preservação e o descobrimento de seres vivos que habitam seus corredores. Essa profissão acabou sendo uma junção de diferentes campos do conhecimento, entre elas a geologia, biologia, ecologia, arqueologia e até a utilização de técnicas esportivas, como do montanhismo, para entrar nesses locais! É por isso que muitos esportistas, que são apaixonados pelas belezas das cavernas e montanhas, acabam se envolvendo com a espeleologia.

O colombiano Juan Carlos Higuera, morador de Bogotá, decidiu fazer de suas duas paixões uma profissão! Uniu a espeleologia com a fotografia e se aventura há mais de 20 anos pelas mais diversas montanhas do país. Encontrou sua vocação desde a primeira vez que entrou em contato com elas: “Foi algo emocionante, se tratava de seguir meu coração e logo quando encontrei as cavernas foi como encontrar a alma de uma montanha”. Como um bom espeleólogo, Juan descobre diferentes paisagens em um mesmo cenário!

Capturando imagens e elaborando cartografias, o espeleólogo viaja o país atrás de regiões montanhosas e selvagens para descobrir cavernas intocáveis. Assim, informa aos governos e cientistas o que é necessário para conservá-las e protegê-las. O trabalho de Juan também busca inspirar as pessoas a terem cada vez mais contato com a terra, já que para ele “o homem foi primeiro ao espaço antes mesmo de investigar o subsolo”.

As ferramentas Bosch acompanham o Juan durante todo trabalho, mas desvendar lugares nunca explorados requer muito cuidado! É por isso que a segurança e o manuseio da ferramenta são as coisas mais importantes para ele e para nós também. Para desvendar as profundidades dos furos e locais, indicamos a trena a laser GLM 120 C GLM 120 C , uma solução inteligente para documentar medições até mesmo de ambientes externos. É importante também sempre estar equipado de ferramentas mais leves e ergonômicas, para melhor manuseio. Por isso, indicamos os martelos perfuradores sem fio GBH 18V-26 GBH 18V-26 , que garante perfurações sem poeira, e GBH 180 LI GBH 180 LI , único do mercado que oferece 1,7 J de força de impacto.

Cada ferramenta Bosch é cuidadosamente selecionada para que os espeleólogos tenham os melhores recursos com a melhor qualidade!

Curtiu essa história?

Curtiu essa história?

O que você acha?

Mais histórias
Serviço de Atendimento ao Cliente

Segunda - Sexta
08:00 - 18:00
Email
Perguntas Frequentes

Obtenha respostas para as questões frequentes sobre nossos serviços

Saiba mais